Português Italian English Spanish

Prefeito faz apelo ao governador por 1700 metros de asfalto no Estoril

Prefeito faz apelo ao governador por 1700 metros de asfalto no Estoril


O que esperar de um prefeito que não consegue trocar uma torneira velha no Cemitério Municipal?

Por Kleber Souza em 13 de julho de 2020

Em tom de apelo, o prefeito de Ribas do Rio Pardo (MS), Paulo Tucura (DEM) gravou vídeo no prolongamento da rua Senador Filinto Muller no Parque Estoril pedindo o asfaltamento do perímetro urbano da MS-340 que corta a cidade de norte a sul. O trecho também é conhecido como estrada da Usina do Mimoso.

“No programa Governo Presente fomos contemplados com essa obra. O município de Ribas do Rio Pardo está com o projeto pronto. Só aguardando a liberação do recurso para execução da obra. Que deixar aqui o meu apelo ao governador Reinaldo Azambuja. Para que o senhor libere o recurso para executar essa obra aqui da MS-340, que vai atender não somente ao Distrito Industrial, mas ao Bairro Estoril. Precisamos dessa obra governador. A população de Ribas está esperando, contamos com seu apoio”, disse Tucura.

QUEM RETIROU A DUPLICAÇÃO?  

Sem dar nome aos bois, o prefeito, no meio de seu discurso, alfinetou o governador tucano com sua costumeira fala evasiva e desconexa, ao abordar a suposta perda da obra de duplicação da rodovia federal em Ribas do Rio Pardo (MS). “Perdemos em 2019, o qual foi retirado da população de Ribas a duplicação do perímetro urbano da BR-262”.

A promessa é mais uma das muitas feitas e não cumpridas por Paulo Tucura durante a campanha eleitoral de 2016. No plano de governo ele prometeu gestão junto ao DNIT para duplicação da BR-262, no perímetro urbano. 

Clique aqui e assista: O APELO DO TUCURA!

O QUE DIZEM POR AÍ...

O asfaltamento do trecho pode ter sido perdido por conta do projeto mirabolante apresentado pela Gestão Tucura ao Governo do Estado. Os 1700 metros de pavimentação simples com drenagem de superfície, como em todas rodovias, não teriam custo maior que R$ 2 milhões.

Porém, o prefeito Paulo Tucura (DEM) teria levado um projeto de R$ 13 milhões. O governador Reinaldo Azambuja teria ‘refugado’ a tentativa do prefeito de Ribas, sempre desprestigiado na governadoria, que descaradamente tentou, sem sucesso, fazer cortesia com o chapéu alheio.

“O projeto já poderia ter sido executado se o prefeito tivesse sido mais humilde. Chutou alto e se deu mal, ele sabe disso. Esse posicionamento de coitadinho agora não mostra a realidade”, conta uma pessoa ligada ao governador.

CADÊ OS RECURSOS PRÓPRIOS PREFEITO? 

A obra de asfaltamento do trecho no maior bairro da cidade poderia ter sido feito já no primeiro ano, caso os abundantes recursos dos cofres públicos municipais tivessem sidos administrados de maneira séria. Por mês, somente com Assessores e Comissionados, o prefeito Paulo Tucura 'queima' cerca de R$ 500 mil. Somente em 2017, esse dinheiro, gasto com cargos políticos na grande maioria desnecessários, faria três obras desse porte. 

Nos quatro anos, os gastos com as assessorias cupinchas dariam para asfaltar com tranquilidade não só o Parque Estorial 1, 2, 3, e 4. Mas também, todos os outros bairros da periferia da cidade, como o Boa Vista, Jabour, etc.

Mas o que esperar de um prefeito que não consegue trocar uma torneira do Cemitério Municipal? 

Com a palavra: O ELEITOR! 

 riopardonews@gmail.com
 (67) 99107-6961
 facebook.com/RioPardoNews
 (67) 99107-6961