Português Italian English Spanish

Vídeo: por 7 a 3, Câmara de Ribas aprova mais de 6 mil em diárias sem prestação detalhada

Vídeo: por 7 a 3, Câmara de Ribas aprova mais de 6 mil em diárias sem prestação detalhada

Data de Publicação: 27 de abril de 2022 15:00:00

 
 

 

 

DA REDAÇÃO/RIOPARDONEWS

Com sete votos favoráveis e três votos contra, o projeto de lei n.º 2, de 8 de março de 2022 foi aprovado pela Câmara de Ribas durante sessão ordinária desta terça-feira, dia 26 de abril.

O projeto que agora é lei, alterou a Lei Municipal n.º 1.190 que obrigava vereadores prestarem contas detalhadas das diárias.

Além de dificultar a fiscalização do uso de diárias no Legislativo, a nova lei vai permitir que um vereador receba em um único dia, R$ 425,90 para fazer um ‘bate e volta’ na capital, ou então, R$ 608,43 para ir ali em Três Lagoas (MS).

O sentimento de que a “Farra das Diárias” está de volta, está no valor proposto nas viagens para fora do Estado: R$ 1.216,85. O montante é superior ao atual salário mínimo do trabalhador brasileiro.

A partir de agora, um único vereador de Ribas do Rio Pardo, viajando ao interior paulista por cinco dias, poderá faturar mais de R$ 6 mil em um único mês.

Somado ou seu salário fixo de R$ 7.300,00 , esse único vereador poderá quase dobrar seu rendimento com a ‘complementação especial’ e embolsar cerca de R$ 15 mil em um único mês.

QUEM VOTOU A FAVOR DA FARRA?

Em nítida falta de respeito com o dinheiro público, votaram a favor da nova lei que recria a “Farra das Diárias”, os vereadores:

- Paulo da Pax (MDB), Luiz do Sindicato (MDB), Pastor Isac (PTB), Anderson Arry (PSDB), Missionária Rose (Psol), Sidnei Cascão (PSC) e Edervania Malta (MDB).

QUEM VOTOU CONTRA A FARRA?

Demonstraram preocupação e respeito com o dinheiro público, os vereadores:

- Nego da Borracharia (PSD), Tânia Ferreira (SDD) e Policial Christoffer (PSC).

NÃO VOTOU!

Em regra, o vereador-presidente Tiago DO Zico (PSDB) não vota. Exceto se houver empate.

PROTESTO COM DOIS CARTAZES

Um modesto e quase solitário protesto, levou para o plenário da Câmara dois cartazes com os dizeres: "RESPEITEM NOSSO DINHEIRO" e, "CHEGA DE FARRA".

"Chega ser engraçado o comportamento da maioria da população. Nas redes sociais são leões, mas quando precisam comparecer à casa de leis para cobrarem seus representantes e para manifestarem insatisfação, como é o caso agora da volta da farra das diárias, somem e viram 'gatinhos'. É triste ver a mansidão do povo diante de tantos absurdos", pontua Kleber Souza, editor-chefe do Rio Pardo News. 

 

 
 
 
 

 

 riopardonews@gmail.com
 (67) 99107-6961
 facebook.com/RioPardoNews
 (67) 99107-6961