Português Italian English Spanish

Polícia prende homem e apreende menor com dinheiro falso em Ribas do Rio Pardo

Polícia prende homem e apreende menor com dinheiro falso em Ribas do Rio Pardo


Na noite deste sábado (28), o S.I.G. (Setor de Investigações Gerais) da Polícia Civil de Ribas do Rio Pardo prendeu um homem de 21 anos e apreendeu um adolescente de 17 anos, ambos pela prática de estelionato. Segundo apurado, a Polícia Civil obteve conhecimento de que alguém estaria passando notas falsas em vários comércios da Cidade, em que pese a crise mundial do Coronavírus, que está refletindo financeiramente em relação aos vários empreendedores locais.

Nesse cenário, diversos comerciantes vieram procurar a Polícia Civil exigindo providências. 

Verificou-se que o estelionatário, de ontem para hoje (do dia 27 ao dia 28 de março do ano corrente), passou notas falsas em pelo menos três estabelecimentos comerciais. 

A partir dessas informações, policiais civis passaram a investigar visando identificar a autoria delitiva. Os policiais conversaram com todas as vítimas e obtiveram a seguinte informação: o suspeito é jovem, de 20 a 25 anos, moreno, de calça jeans e camiseta clara, conduzindo uma motocicleta de cor preta com vermelho e com os bancos de cor branca, além de capacete claro esportivo. 

Em investigações, a Polícia conseguiu capturar o suspeito de 21 anos, que prontamente confessou os golpes neste Município. Em sua carteira, foram encontrados R$ 450,00 (quatrocentos reais) em dinheiro falsificado. Além disso, o adulto admitiu ter adquirido o dinheiro em parceria com um adolescente de 17 anos, encomendando as cédulas de outra pessoa que mora em Estado diverso, e que as notas vieram pelo correio. O adolescente de 17 anos, por sua vez, disse que realmente ajudou na compra das notas, mas deixou sua parte com o adulto. Esse adolescente ressaltou que só ajudou na compra/aquisição das cédulas, porém quem passava o dinheiro nos comércios era só o adulto. Tanto o homem quanto o adolescente foram conduzidos à Delegacia de Polícia.

Depois de colher depoimentos de todos os envolvidos, chegou-se à conclusão de que foram passadas notas falsas em, pelo menos, três estabelecimentos: Stop Beer, Mulequin Lanches e Conveniência Estação, sendo que os comerciantes tiveram razoável prejuízo. Logo, o adulto que passava as notas e o menor que colaborou com a aquisição das cédulas irão responder por, ao menos, três crimes de estelionato.

A título de curiosidade, segundo informações externas, o adolescente seria parente de um indivíduo recentemente preso também por passar notas falsas em comércio. O menor foi liberado sob termo de compromisso e na companhia do representante legal, ao passo que o adulto está preso em uma das celas da unidade policial à disposição da Justiça.

Por fim, caso mais algum estabelecimento tenha recebido notas falsas, a Polícia Civil orienta que seus proprietários compareçam à Delegacia para reconhecimento pessoal do suspeito, pois pode ser que ele tenha passado notas em outros locais até então desconhecidos. (Assessoria PCMS)

 riopardonews@gmail.com
 (67) 99107-6961
 facebook.com/RioPardoNews
 (67) 99107-6961