Português Italian English Spanish

Polícia investiga padrasto por suposto estupro de adolescente em Ribas do Rio Pardo

Polícia investiga padrasto por suposto estupro de adolescente em Ribas do Rio Pardo


Polícia Civil abriu investigação para apurar a veracidade das denúncias; a garota vai passar por exame de corpo de delito

Por Maressa Mendonça do Campo Grande News

Homem de 48 anos foi encaminhado até a delegacia, na segunda-feira (6), após ter sido denunciado por abuso sexual. Ele foi detido por agentes da PRF (Polícia Rodoviária Federal) em ação conjunta com o Conselho Tutelar, mas liberado em seguida porque não se tratava de um flagrante. O caso segue sob investigação.

Conforme o delegado Bruno Santacatharina, conselheiros tutelares de Água Clara receberam uma denúncia sobre abusos sexuais e decidiram acionar a PRF. Os agentes descobriram que o homem estava caminho de Três Lagoas e decidiram fazer a abordagem do veículo na BR- 262.

Ele foi levado para a delegacia e liberado porque não se tratava de um flagrante, mas segundo o delegado,  investigações foram abertas para apurar a denúncia. O caso ficará a cargo da Polícia Civil de Ribas do Rio Pardo, local onde os abusos teriam ocorrido, conforme os denunciantes.

De acordo com Santacatharina, os denunciantes informaram que a adolescente foi abusada dos 8 até os 12 anos em fazenda da região e com consentimento da mãe dela. “Todos os envolvidos serão ouvidos e a menina vai passar por um exame sexocológico para confirmar ou não os abusos”, resumiu.

O delegado comentou que ainda é muito cedo para dar detalhes sobre este caso porque até o momento só há uma denúncia. “Essa informação será investigada e se a mãe tiver envolvida vai responder também por ter omitido cuidados”, finalizou.

Em entrevista ao Conselho Tutelar, a adolescente teria confirmado que sofreu abusos sexuais.

 riopardonews@gmail.com
 (67) 99107-6961
 facebook.com/RioPardoNews
 (67) 99107-6961