Português Italian English Spanish

Operação ‘Tolerância Zero’ fechou bares e prendeu 4 pessoas em Ribas

Operação ‘Tolerância Zero’ fechou bares e prendeu 4 pessoas em Ribas


Na noite deste sábado (09), as Polícias Civil e Militar e a Vigilância Sanitária realizaram a Operação “Tolerância Zero”, parte I, destinada a fiscalizar o cumprimento do Decreto Municipal nº 35/2020, o qual instituiu o “toque de recolher” a partir das 22h em toda a Cidade.

A Operação foi batizada de “Tolerância Zero”, pois as Autoridades vêm recebendo várias denúncias apontando o reiterado descumprimento de medidas preventivas contra o coronavírus, bem como o fato de inúmeras pessoas estarem se aglomerando em bares e festas. “Tolerância Zero”, também, pela rigidez na fiscalização e punição de todos aqueles que desrespeitarem normas preventivas e sanitárias.

Vários locais foram averiguados e pessoas receberam a ordem de retornarem para suas casas sob pena de prisão.
Policiais civis e militares e fiscais da prefeitura flagraram 03 (três) estabelecimentos comerciais em pleno funcionamento, com aglomerações, e descumprindo descaradamente o decreto municipal.

O primeiro (Bar do Gaúcho), localizado na Avenida Aniceta Rodrigues de Souza, foi fechado e o proprietário recebeu voz de prisão. Além disso, houve autuação administrativa por fiscais.

O segundo (Bar da Cris), também situado na Avenida Aniceta Rodrigues de Souza, foi fechado e duas pessoas foram presas, a proprietária e um frequentador, este que, por sua vez, foi orientado a ir para sua residência e se recusou a obedecer aos policiais.

Por derradeiro, o terceiro local (Bar da Loira), situado no Bairro Centro Velho, também foi lacrado e a proprietária foi detida.
Logo, ao todo foram 4 detidos e 3 comércios fechados.

Os indivíduos foram conduzidos à Delegacia de Polícia e só serão liberados sob compromisso ao amanhecer, após conclusão dos termos circunstanciados de ocorrência. Posteriormente, serão processados criminalmente e, caso condenados, poderão pegar até 01 (um) ano de prisão. Poderão sofrer, também, multa “pesada” por parte da Prefeitura.

Nos próximos dias, acontecerão mais fiscalizações “surpresas” e quem descumprir o toque de recolher poderá, também, ser preso em flagrante.
Portanto, a Polícia recomenda que as pessoas evitem aglomerações e “festinhas”, tudo para evitar a disseminação do COVID-19, reforçando a necessidade de conscientização de toda a população.

Por Assessoria PCMS

 riopardonews@gmail.com
 (67) 99107-6961
 facebook.com/RioPardoNews
 (67) 99107-6961