Português Italian English Spanish

Investigadores do SIG prendem autores de roubos em Ribas, Água Clara e Campo Grande

Investigadores do SIG prendem autores de roubos em Ribas, Água Clara e Campo Grande

A ação, em parceria com delegacias de Água Clara, Ribas do Rio Pardo e Campo Grande, foi realizada após diversos casos de roubo nestas cidades.

Na noite de terça-feira (02), investigadores do SIG (Setor de Investigações Gerais) da Polícia Civil de Água Clara (MS) prendeu em flagrante três homens. Eles são responsáveis por uma série de roubos com uso de arma de fogo em cidades de Mato Grosso do Sul.

A ação, em parceria com delegacias de Água Clara, Ribas do Rio Pardo e Campo Grande, foi realizada após diversos casos de roubo nestas cidades.

O primeiro caso foi filmado por câmeras de segurança e aconteceu em Água Clara, no último sábado (29/09), durante uma carreata em apoio ao candidato à Presidência Jair Bolsonaro. O trio rendeu uma família, roubou o veículo Ford Ka da mesma e ainda agrediu com um soco na boca uma menina de apenas 11 anos. Segundo as vítimas, os criminosos queriam que a família permanecesse no veículo durante o crime. Além do carro, dois celulares e documentos pessoais das vítimas foram levados.

Na terça-feira (02), o grupo roubou outro veículo, desta vez, na cidade de Campo Grande. Eles agrediram a mulher e uma criança que estavam em um carro modelo Celta. Após esse crime, eles foram até Ribas do Rio Pardo (MS), onde renderam um fazendeiro e roubaram uma caminhonete D20, dois aparelhos celulares e dinheiro.

Em posse da caminhonete, os suspeitos voltaram par a acidade de Água Clara, onde eles foram presos. Após investigações e troca de informações com a Delegacia Especializada de Furtos e Roubos de Veículos (DEFURV), a 3ª Delegacia de Polícia de Campo Grande, SIGs da Capital, de Ribas do Rio Pardo e Água Clara, diligências foram realizadas.

Após 10h em busca dos suspeitos, dois dos autores foram localizados e confessaram o crime. Duas horas depois, o terceiro envolvido nos crimes também foi preso. De acordo com os policiais, o último envolvido foi o responsável pelas agressões às vítimas. Com ele estava o celular de uma das vítimas e os documentos pessoais estavam escondidos em sua residência.

As armas utilizadas para os roubos foram escondidas com outros dois criminosos, presos em flagrante por Porte Irregular de Arma de Fogo de Uso Permitido. Um deles ainda estava em posse de entorpecentes e possui passagem por tráfico de drogas.

Por Laís Eger Penha da Rádio Caçula

 riopardonews@gmail.com
 (67) 98454-6626
 facebook.com/RioPardoNews