Português Italian English Spanish

Ação conjunta apreendeu barcos, motores e petrechos de pesca em Ribas e Nova Andradina

Ação conjunta apreendeu barcos, motores e petrechos de pesca em Ribas e Nova Andradina


Os pescadores foram autuados administrativamente e foram multados em R$ 700,00 cada um.

Policiais militares ambientais de Bataguassu e fiscais do Imasul realizaram patrulhamento fluvial no rio Anhanduí, no município de Ribas do Rio Pardo e Nova Andradina ontem (8), na operação Big Fish II e autuaram três pescadores por pesca ilegal, além de apreender petrechos ilegais para a pesca.

Um pescador amador de 44 anos, residente em Nova Andradina, outro de 46 anos, residente no Distrito de Casa Verde no município de Nova Andradina e mais um de 42 anos, morador em Maringá (PR), foram abordados cada um em seu barco, quando pescavam no local denominado Cachoeira do Rio Anhanduí (local proibido à pesca), localizada na divisa do município de Ribas do Rio Pardo e Nova Andradina.

É considerada crime ambiental a pesca a 200 metros a montante e a jusante das cachoeiras e corredeiras, pois é alta a vulnerabilidade dos cardumes nesses locais dos rios.

Com os pescadores foram apreendidos dois barcos, dois motores de popa, uma caixa com materiais de pesca e três varas com molinetes. Os pescadores foram autuados administrativamente e foram multados em R$ 700,00 cada um. O pescador paranaense também não possuía a licença ambiental de pesca e foi autuado em mais R$ 300,00.

Petrechos ilegais retirados do rio

Ainda durante o patrulhamento foram retiradas duas cordas de espinheis com 27 anzóis cada uma e 27 anzóis de galho e duas redes de pesca, que estavam armados no leito do rio. Os infratores que armaram os petrechos ilegais não foram localizados.

Do Dourados News

 riopardonews@gmail.com
 (67) 99107-6961
 facebook.com/RioPardoNews
 (67) 99107-6961