Português Italian English Spanish

Morador mostra abandono na Jabour e diz “prefeito sem vergonha”

Morador mostra abandono na Jabour e diz “prefeito sem vergonha”


“Vergonha, vergonha, prefeito sem vergonha! Isso é um vergonha, prefeito sem vergonha. Misericórdia!”, disse.

A paciência de um jovem morador de Ribas do Rio Pardo parece ter chegado ao fim na manhã desta quinta-feira, dia 6. Ele fazia distribuição de panfletos pelas ruas da cidade quando se deparou com a situação calamitosa das ruas e do parquinho do bairro Jabour.

Wilnikfer Oliveira, mais conhecido como Pimpão, não pensou duas vezes em protestar. Acionou a câmera do celular e soltou o verbo em dois vídeos. “Bom dia. Estamos aqui no bairro Jabour, trabalhando, entregando folheto, e olha só a situação do bairro Jabour, uma vergonha Paulo Tucura, cê não tem vergonha na cara não? Como um trabalhador vai passar com sua motocicleta nessas lagoas?”, questionou.

A cidade segue sem os mínimos cuidados e nesta região, entre as ruas Waldermar Francisco da Silva, Coronel Wilson Fontoura, Milton Santana e Salustiano Morais, a coisa está ainda pior por conta das nascentes do córrego da lagoa que vêm mudando de curso nos últimos anos. As águas já invadiram casas, desabrigou moradores e segue avançando.

A reclamação de água parada, água corrente na sarjeta, mato alto e sujeira proveniente do avanço da natureza é antiga. Moradores possuem escrituras, pagam impostos e a administração municipal não dá as mínimas condições de acesso. Entra prefeito e sai prefeito e nenhuma solução prática é dada ao problema. “Olha a situação do rio-pardense, olha o mato, misericórdia, é vergonhoso!”, continuou Pimpão no vídeo. 

Indignado, o trabalhador improvisou ao entoar um grito comum nos estádios brasileiros. “Vergonha, vergonha, prefeito sem vergonha! Isso é um vergonha, prefeito sem vergonha. Misericórdia!”, disse.

PARQUINHO NO MATO

A revolta do morador continuou quando viu o parquinho das crianças tomado pelo mato. “Como que brinca aqui nisso? Olha a situação do mato alto. Como que criança vai brincar? Se for brincar brincar vai se esconder de esconde-esconde no mato alto. Que vergonha, olha. Dentro do bairro Jabour a situação, misericórdia, vergonha”. (Por Kleber Souza/Rio Pardo News em 7 de fevereiro de 2020)

Assistam o vídeo: 

 riopardonews@gmail.com
 (67) 99107-6961
 facebook.com/RioPardoNews
 (67) 99107-6961